Exercícios em casa: como podem te ajudar

por | jun 23, 2020 | Exercícios | 0 Comentários

Muitas pessoas decidiram, por segurança, higiene e até praticidade, aderir ao exercício em casa. Por causa da pandemia do novo coronavírus, que obrigou muitas academias e estúdios fecharem as portas, algumas empresas escolheram manter clientes através de aulas por vídeo.

O que nem todo mundo sabe é que nossa própria casa pode ser um ambiente de exercício, desde que toda a atividade seja orientada por profissionais. Manter a rotina de exercícios, como se estivesse na academia, trará mais benefícios do que você imagina.

Continue com a gente neste artigo para ter ideias de como malhar em casa, dicas de exercícios e informações para se manter firme nesse novo jeito de praticar exercícios físicos. Não é difícil, desde que todos os movimentos sejam feitos de forma correta. Vamos lá!

Como começar?

Primeiro, tenha certeza que sua saúde permite exercícios com quase nenhuma orientação. Ainda que sejam feitos em casa, não pegue pesado para que não tenha lesões. Veja lugares na sua casa que sejam acessíveis e arejados, como varandas. Tenha, pelo menos, uma corda e objetos pesados (mas nem tanto!!).

Até saco de arroz vale. Tudo pronto, entre em contato com seu profissional de educação física de confiança, pesquise pacotes de academias que estão fechadas ou escolha vídeos que sejam simples. Defina um horário e o tempo de exercício, de acordo com seu objetivo e pronto!

Malhando em casa: opções de exercícios

Tenha em mãos equipamentos para monitor o tempo e a quantidade de exercícios feita no dia, como as séries e tempos. É interessante também ter um monitor de calorias e de  batimentos cardíacos.

 

Alongamento

Séries curtas de alongamento são importantes, principalmente se está retomando a série de exercícios paralisadas por um tempo. Reserve dez minutos antes de começar a malhar e mais dez minutos quando terminar, para se recuperar. Priorize alongamentos simples e depois aumente a dose.

 

Caminhadas

Recomece devagar, se puder em casa, caminhe por algumas voltas, pelo menos por dez minutos. Caso more em condomínio, o espaço é melhor, comece com esse aquecimento para depois ir para a musculação, que também precisa ser leve. Caminhar na rua não faz mal, mas priorize o distanciamento das pessoas.

Flexões de braço

Esse exercício é simples e no começo precisa ser feito com cautela, para que as dores não sejam muitas. Nas primeiras semanas, faça duas séries de dez, depois, tente aumentar as subidas até se sentir confortável.

Flexões, se feitas com frequência, fortalecem a musculatura dos membros superiores e melhoram a coordenação motora, trazendo mais firmeza nos braços, mãos e ombros. Um corpo fortalecido dificilmente enfrentará problemas com imunidade.

 

Subidas e descidas

Se tiver escada, a subida e descida delas são ótimos exercícios para fortalecer o sistema cardiovascular. Comece devagar, suba e desça sem correr. Depois tente acelerar o passo. A capacidade respiratória é aumentada, além do seu fôlego para as atividades do dia a dia que será muito maior. Caso não tenha escada, poucos degraus já ajudam.

Agachamento

Ainda que não tenha pesos, fazer uma série diária de agachamentos ajuda na postura e fortalece os membros inferiores, além da coluna. Quanto mais fazer, vai sentir até o bumbum mais firme com o tempo.

Para fortalecer ainda mais, com o passar dos dias, pegue pesos ou sacos de alimentos não perecíveis para aumentar a carga. Lembre-se de observar qual seu limite para não se machucar. Tente também caminhar e fazer o agachamento, é ótimo para a coordenação motora. Utilizar a cadeira, sem sentar, também é interessante.

 

Polichinelos e corda

Os polichinelos são ótimos exercícios “cardio” e podem ser feitos dentro e fora de casa. Defina um número de pulos e intercale com pulos de corda, para emagrecer e ajudar na capacidade respiratória. Quanto mais fizer, melhor ficará com o tempo. Tente e sinta seu corpo, sem esquecer da orientação de um profissional em caso de problemas.

Benefícios do exercício em casa

Não só para deixar a imunidade lá em cima, malhar em casa mantém e endorfina alta, gerando bom humor e sensação de bem estar. Veja mais benefícios de não perder o fio da meada com a musculação.

 

Melhora na capacidade respiratória

Quanto mais você treina seu pulmão e a capacidade cardiovascular, melhor lida com ataques externos ao corpo. Ter uma boa saúde física não é garantia de cura, claro, mas sabemos que ajuda muito.

 

Imunidade e bem estar

Praticar exercícios regularmente é certeza de um sistema imunológico mais forte e preparado. É através do exercício que produzimos a endorfina, conhecida como o hormônio da felicidade. Bom humor, intestino regulado e boa respiração são apenas alguns resultados do exercício constante.

Para te ajudar na missão, temos um aplicativo com exercícios para você fazer em casa. Acesse resultadosfitness.com.br/combo. Comece já!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *